Você tem uma Campanha Google?


Você tem uma Campanha Google?


Olá! Tudo bem? Qual o seu nome? E o seu e-mail? Você tem Facebook? Como está sua mãe? E aquele seu amigo baixinho? Sabe onde está seu carro?


Com tantas informações, possibilidades e acessos, tenho duas perguntas supersimples sobre a web. E provavelmente você ou seus amigos não fazem a menor ideia de qual é a resposta. Quer apostar?



  • Primeiro, meu amigo, em um negócio via internet, você sabe me dizer quantos dólares preciso investir para ganhar 10 chocolates? Alguma resposta rápida? Sim, falo de mídia, banners, promotions e o que mais você quiser. Quantos dólares para ganhar no final 10 chocolates?

  • Quer agora a segunda? Estamos na geração do conhecimento, do saber… Então, com toda essa gama de informações disponíveis e todo esse acesso universal, você poderia me responder: Como está o seu Google? Ah! Seja específico! Quero as top keywords, total de clicks, posição e o quanto converte, em algo palpável… que tal chocolates!

Em resumo: Como está o seu Google? Quantos chocolates ele te faz ganhar?


Para lhe ajudar e também me ajudar a obter essas respostas, vamos falar de algo que conhecemos há quase uma década: Google. Vamos perguntar a ele como estamos e como ele pode nos ajudar com os chocolates.


O que é o posicionamento Google?


Posicionamento Google é a posição na qual você aparece em uma pesquisa Google. Se você é o melhor corretor de NY ou a melhor praia do Brasil, ao digitar esses termos, espera-se o primeiro lugar. Se isso não ocorrer, que ao menos mostre qual é a sua atual posição. Simples!


Então, que tal mudar seu pensamento? Ao invés de considerar a qualidade do website, empresa ou knowhow, na web, para quem não conhece você, se eu perguntar quem é o melhor, é o Google quem aponta.


E como deveria ser?


Seja para seu nome, trabalho ou empresa, todos deveriam saber usar o Google (não apenas pesquisar), mas sim interagir. Uma mão dupla com a qual eu ajudo o Google (pesquisa) e ele me ajuda (chocolates). Você tem o seu negócio (seu trabalho, empresa ou clientes)? Sabe ou imagina que palavras as pessoas pesquisam para lhe achar? Tem uma ideia de quantas visitas elas trazem? Certo?


Ok! Hora de falar a verdade, você não faz a menor ideia. Mas convenhamos, deveria! Então, voltamos ao pensamento: se você é o melhor, o Google não deveria mostrar você primeiro…


Vamos mudar nosso conceito sobre sites de busca e colocar no papel nossos desejos em relação ao Google, certo? Quer uma a lista inicial? Sugestões? Aí vão as minhas…



  • Quero que o Google fale sobre a minha empresa de Social Media.

  • Quero que ele mostre como o meu trabalho é bacana. Sou um dos Top 3 no país.

  • Quero que, ao tentarem falar comigo, ele indique o meu perfil no Twitter.

  • Quero que, ao procurarem pelos termos da minha área de atuação, meu nome apareça primeiro.

Seja o que for, escreva como deseja interagir com o Google! Simples não?


O que o Google deveria estar fazendo?


Primeiro, antes de tudo, se você paga por suas roupas (para uma boa aparência), gosta de ter um bom carro (ir e vir) e cuida da sua saúde. Invista em alguém para cuidar de você no Google! Com essa conta paga (ou com o seu tempo investido), você deveria saber e acompanhar:



  1. Quais as palavras relacionadas a você ou seu negócio (escolha 10).

  2. Nessas palavras qual a sua posição no Google para cada uma delas. Sou o primeiro ou o 278º?

  3. Por fim, quantas pessoas essas palavras trazem para você. Consigo meus quatro mil ou apenas 14?

Pronto. Agora você aprendeu a responder Como está o seu Google?
Resposta: Tenho 10 keywords, com quatro Top 5 e essas me geram 3.800 visitantes.


Lindo! E isso ainda ajuda você a começar a responder: quantos chocolates me faz ganhar?


Feliz? Espero que sim. Para não falar que não ajudei, lembre dos dez passos básicos para melhorar o seu posicionamento Google. Siga-os e já terá percorrido 50% do caminho.


Quer um Passo-a-passo?



  1. Saiba quem você é o que quer mostrar (defina em uma frase).

  2. Depois escolha 10 formas como as pessoas irão pesquisar por você.

  3. Se quem procura acha, escolha aonde elas vão levar seu cliente (Site? Blog? Facebook?).

  4. Garanta que seu cliente vai sempre conseguir facilmente entrar em contato ou comprar.

  5. Se você tem um site, otimize. Regrinhas W3C, livros, são boas opções de aprendizado se não contratar um profissional especializado.

  6. Básico: lembre-se de cadastrar o seu site em outros sites para ajudar. Por exemplo: o Google Business.

  7. Deixar sempre seus dados de contato em e-mails, site de amigos, blogs, artigos ou redes sociais.

  8. Considere também produzir conteúdo sobre o que você sabe e enviar para sites, blogs ou amigos.

  9. Use também suas redes sociais. Toda ajuda é uma boa pedida para fazer os outros lhe acharem.

  10. Por fim, melhore. Basta ter um registro histórico dos números e tente melhorar a cada mês.

Amigo, espero ter ajudado com esse artigo. Agora aguardo a sua contribuição com comentários e links. E para concluir nossa conversa, tenho apenas duas perguntas:


Como está o seu Google? E quantos chocolates ele ganha para você?


Se você curtiu o artigo… hora de escrever.
Faça parte da conversa com suas ideias, dicas Google e sugestões. Vamos conversar?


 


28 de maio de 2012 – Por Iuri Brito em Artigos